Limpeza de cabeça das impressoras Epson

Passo 1: Quando é necessário fazer uma limpeza de cabeça de impressão?


O padrão de qualidade de qualquer impressora Epson não é uma imagem que saiu da máquina toda riscada.

Com este teste você não consegue perceber claramente nem dos jactos que estão a falhar, nem da posição deles e do que cor correspondem (já aconteceu quando diziam que a tinta não imprime com cor da Benfica, sai tudo cor-da-rosa, andei a procura de problema de tinta mas afinal o canal yellow estava entupido todo).


O único padrão que pode confirmar um bom funcionamento de cabeça de impressão é o Modelo de Verificação dos Jactos - é uma grelha de linhas, que pode imprimir através do controlador de impressão, na secção "Manutenção" em propriedades de impressora (se não encontre leia o manual de instruções).

Atenção, modelo de verificação dos jactos e página de teste - não é mesma coisa! O modelo de verificação imprime uma grelha, a página de teste - uma página com informações acerca de controlador de impressão.


Nesta grelha cada jacto deixa o seu risco, e é muito fácil de confirmar quais os jactos que não imprimem.

teste dos jactos

Teste com falhas

teste dos jactos Teste mostra 100% funcionamento


O problema de falhas pode ser provocada por diferentes causas, como:

- Impressora parada, não faz impressão durante um longo período de tempo,

- Os jactos estão secos,

- O ar que entrou na cabeça de impressão,

- Vácuo no tinteiro (no canal de uma cor),

- Incompatibilidade de tintas,

- etc, etc, etc...

Sobre as formas de identificação vou falar mais tarde, hoje a conversa é mesmo do processo de limpeza.


Ok, já tem o modelo de teste dos jactos e consegue ver se a impressão está boa ou não.

Se sim, pode fechar esta página tranquilamente.

Se não, segue...


Antes de passar para o processo terá que fazer mais um teste - é para confirmar se é mesmo entupimento ou é o ar que entrou na cabeça de impressão e não deixa passar a tinta.


1. Imprime um teste dos jactos (teste 1).

2. Efectue um-dois ciclos de limpeza através de controlador.

3. Imprime mais um teste dos jactos (teste 2).

4. Agora o processo é idêntico como num jornal na página de crianças: encontre 7 (8, 9, 10, ...) diferenças no teste 1 e teste 2.


Se encontra - uma maravilha, deixa a impressora parada uma noite inteira sem fazer mais limpezas, e de manha imprime mais um teste (teste 3). Verifique os 3 testes - está a notar que a impressão melhorou bastante? Isto significa que o ar saiu (todo ou quase todo) da cabeça. Mais umas 2 limpezas através de controlador e deixa a impressora repousar mais umas horas. As limpezas continuas não resolvem o problema no caso de ar na cabeça. Irá só gastar a tinta por nada.


Se não encontra as diferenças no teste 1, 2 e 3 - a cabeça tem alguns (ou muitos) injectores entupidos.

Neste caso é preciso mesmo de uma limpeza mais profunda.


Passo 2: Como fazer a limpeza de injectores?


Material necessário:

1. Líquido de limpeza

2. Uma seringa de 10ml

3. Toalhas de papel tipo rolos de cozinha

4. Paciência.


Em primeiro lugar tem que limpar a peça retangular que tapa a cabeça de baixo (img. 1 no final de página), e lâmina de borracha ao lado esquerdo. Estes partes são responsáveis pela cabeça limpa: a lâmina está a limpar parte de baixo de cabeça onde estão os jactos, e a peça retangular tapa os jactos quando a cabeça está parada.

Por isso é muito importante nunca desligar a impressora de forma qualquer, tem que ser mesmo com botão de desligar a impressora - neste caso a cabeça pára como deve ser e os jactos ficam protegidos.

Com tempo neste local acumula se muita sujidade dos restos de tinta seca. A sujidade não deixa tapar bem os jactos, o ar entra em contacto com tinta nos jactos e cabeça de impressão começa secar.


Como limpar esta parte?


Põe a impressora em modo de substituição de tinteiros e desligue através da ficha eléctrica. Agora consegue mover a cabeça com a mão.

Não use força bruta para deslocar a cabeça!


Mova a cabeça para a esquerda. Corta um pedaço de papel absorvente (toalha) de forma cobrir a parte retangular da impressora, dobrado 4-6 vezes.

Aquece no micro-ondas o líquido de limpeza (basta uns 15 sec para ficar morno - não é preciso aquecer até ferver!!!) e embebe o papel cortado. Coloque o papel no retângulo da impressora e mova a cabeça toda para direita.

Deixe assim 10-15 minutos.

Substitua o papel e repita este processo de novo. Pode ser feito 3-5 vezes até papel ficar mais ou menos limpo.


Após esta ter feito esta parte faça 2-3 ciclos de limpeza automática através de controlador de impressão, e imprime o teste dos jactos. Se não ficar bem - deixe a impressora repousar uma noite inteira, e de manha sem fazer mais limpezas automáticas imprime outro teste.

Provavelmente terá impressora 100% funcional.

Se continua ter falhas deverá também fazer uma limpeza de parte interior (limpara parte interior de cabeça de impressão).


Como limpar a cabeça de impressão no interior.


Além de material necessário descrito em cima precisa mais uma peça - um adaptador para ligar a seringa e bico de entrada de tinta na cabeça de impressão (um pedaço de 2cm ou mais de mangueira tipo aquários ou catetor médico).


Carregue metade da sua seringa com líquido morno. Depois abre a seringa por completo. Assim, terá uma seringa (por ex. de 10ml) com 5ml de líquido e 5ml com ar.

Este passo é bastante importante, o ar serve de almofada - se fazer demasiada pressão com embolo da seringa para cabeça desta forma tem mais garantia que não estraga a cabeça.


Agora deverá ligar a seringa carregada desta maneira com bico de entrada de tinta. Não use ferramentas nem força bruta - pode partir o bico facilmente.

Injecta devagar cerca de 1ml de líquido para a cabeça. Retire a seringa e faça o mesmo com cores necessários.

Para não sujar o interior da impressora aconselho antes de limpeza colocar o papel absorvente de baixo de cabeça de impressão - assim vai apanhar o líquido que sai dos jactos.

Deixa a impressora aprox. 15 min com líquido no interior da cabeça. Depois repita tudo de novo.

Com seringa também pode puxar o líquido para trás. Os movimentos do líquido serão: para frente - para trás. Para que?

Existe mais um filtro debaixo do bico de entrada de tinta. Se tiver ai a sujidade, só com movimento para frente a sujidade não sai. Com movimento para trás a sujidade sai da cabeça e entra na seringa. Em muitas vezes consegue observa-lo visualmente se tiver o líquido bastante transparente.


Pode deixar a impressora com líquido durante uma noite, e de manha repetir o primeiro passo de limpeza interior. Para manter o líquido nos canais pode deixar as seringas de 2,5ml cortadas ao meio nos bicos de entrada de tinta.


O processo de limpeza termina aqui.


Depois de instalar os tinteiros recarregáveis (sistema CIS) efectue 2-3 cilcos de limpeza automática. Imprime o teste dos jactos.

Se não está em condições (provavelmente não obtenha logo qualidade 100%, é normal, por causa de restos do líquido e ar que entrou com esta limpeza toda), deixe a impressora em repouso uns 2-3 horas.

Passando este tempo imprime de novo o teste dos jactos. Se continua ter as falhas - mais 2 limpezas e outro teste.


Nesta vez deve funcionar 100%.


Durante todo o processo é importante não utilizar força bruta.

Acho que não me esqueci nada, se recordar de alguma coisa o artigo será corrigido.

Também declino me qualquer responsabilidade por cabeças de impressão estragadas por causa de mal entendimento de material. Se tiver alguma dúvida pergunte me antes.

Galeria de imagens


    Clique na imagem para ver em tamanho maior

    PrintSemFim - loja online

    Grande variedade de produtos de qualidade na loja online

    [AD]

    PrintSemFim: laboratório on-line

    PrintSemFim: Limpeza de cabeça das impressoras Epson